/

segunda-feira, 1 de agosto de 2016

A IMPORTANCIA DO CASTIGO ou BENEFICIO DO CASTIGO

Comp.WhatsApp

Hoje quero falar de um tema importante e até meio esquisito! 
Quero falar da importância do castigo!
A Bíblia diz que Deus castiga aquele que ele ama! Ao inverso do que o mundo diz e pensa… 
o castigo é sinal de amor!
 Um Pai que nunca repreende seu filho quando erra, um pai que nunca castiga seu filho… 
NÃO O AMA! (eu poderia falar MUITA COISA SOBRE ESSE TEMA – 
pois essa ideologia nova de “como criar filhos”, não está dando certo) mas isso é tema para outro dia!
Hoje quero falar de um outro lado do castigo… 
o castigo que nos traz alivio e nos traz paz!
“O CASTIGO QUE NOS TRAZ A PAZ…” Isaias 53
Todos nós já erramos… e quando erramos, sabemos que erramos (pois nossa consciência nos acusa)!
Quem já não sentiu o peso acusatório da consciência por algo errado que fez?
Eu sempre digo, que o “peso mais pesado do mundo, é o peso da consciência”! 
A gente não “vive”… quando tem algo que nos acusa! Perdemos o apetite, o sono, a alegria… 
tudo nos é tirado, quando escondemos algo errado que fizemos!
E qual a solução para aliviar essa dor? Confessar e pagar pelo erro!
É engraçado, mas a grande verdade é que quando somos castigados por algum mal que fizemos,
 aquilo nos tranquiliza!
É como um marginal que pratica um crime e vai para a cadeia… aquele tempo que ele fica preso, 
teoricamente é um “pagamento de uma divida com a sociedade”. Se nesse tempo, ele reflete, 
se arrepende e muda de vida… aquele castigo lhe traz paz!!! 
Quando ele é solto, ele pode viver com a cabeça erguida, pois ele pagou pelo seu erro!
Assim são as coisas de Deus! Quando erramos e cometemos pecado, além do arrependimento,
 devemos enfrentar o castigo que aquele erro produz! Quando somos disciplinados, 
isso mostra que somos amados, e que estamos sendo curados!
O grande mal do mundo e das Igrejas, é que os 
“erros não são mais erros” e o Pecado não é mais pecado
 Nesse sentido, tudo está sendo abrandado! 
As penas estão cada vez mais leves e até substituídas para por “cestas básicas e etc.”!.
Isso está gerando uma sociedade propensa ao erro!
Afinal de contas… NINGUÉM MAIS É CASTIGADO! E SEM CASTIGO… 
NÃO HÁ PAZ (nem na alma e nem na consciência
LEMBRE-SE, o castigo nos traz paz e mostra que somos amados! 
Nunca rejeite o castigo e a repreensão!

Robert Cleveland Lambeth


Share/Bookmark

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Vidas Secretas - Robert Cleveland Lambeth

Comp.WhatsApp

Usualmente, quando falamos em “vidas secretas” pensamos em coisas ruins! E isso é normal, visto que usualmente, procuramos esconder aquilo de errado que fazemos! Mas Jesus nos instrui a termos uma vida secreta!
Em Mateus 6, vemos várias instruções de Jesus acerca disso! Por exemplo, quando damos esmolas… Devemos fazer isso secretamente! Não devemos propagar nosso ato, e sim mante-lo sob sigilo! Quando ele fala de oração, mais uma vez, ELE no adverte a “entrar no secreto” e orar ao nosso Pai que está no céu! Ele até nos dá detalhes disso: no quarto, feche a porta! Jesus estava querendo dizer de que devemos ter uma vida secreta com Deus! Até mesmo ao Jejuar, ele instrui a não deixar vestígios, lavar o rosto, pentear o cabelo, erguer a cabeça - “não mostre aos homens que estás jejuando”!
PORQUE JESUS DISSE TUDO ISSO? Ele mesmo responde, quando ele fala das recompensas… ou seja, há uma tentação em fazermos o que fazemos, para receber dos homens os aplausos, ou até criar uma imagem de “santo, sagrado, consagrado e etc”! Quem ora para ser visto, já recebeu a recompensa!  Quem dá esmolas aos pobres, para melhorar a sua imagem… já foi aplaudido! 
MAS É IMPORTANTE SABER DE QUE NADA DO QUE FIZEMOS EM SECRETO FICA ESCONDIDO! Jesus disse duas vezes (em lugares separados): “nada há escondido que não venha a ser revelado, nem oculto que não se torne conhecido”! Mateus 9:26
ENTÃO COMO ISSO FUNCIONA: bem, se você está fazendo algo de errado… podes crer de que o seu pecado será revelado (Num 32:23). Mas isso não vale apenas para as coisas erradas… se você tiver uma vida secreta com Deus, isso também será trazido a tona!
COMO ASSIM? Quando a luta vier, quando os problemas aparecer, quem tem vida secreta com Deus, será notado - POIS ELE SERÁ FORTE! Quem ora, jejua e busca a Deus em secreto é forte por dentro, no interior, no invisível! Nem sempre isso aparece… Mas quando o aperto vem, a unção sai para fora! 
Tudo o que você faz no escondido, um dia será visto pelos homens: OU O BEM OU O MAU! 
Seja fiel a Deus no intimo, e Deus lhe apresentará ao mundo!
Lembra de Jó??? Quem mostrou a fidelidade intima dele ao mundo? o próprio Deus! 
Pense nisso… 
Robert Cleveland Lambeth


Share/Bookmark

domingo, 5 de junho de 2016

Nota de falecimento da irmã Sebastiana

Comp.WhatsApp

Nota de falecimento da Irmã Sebastiana ela recebeu uma cura que Deus lê concedeu, tirando um câncer aos 80 anos sem precisar passar por cirurgia.Guerreira nunca perdeu sua fé, sempre alegre, dedicada a obra do senhor. Lembro do louvor que gostava de entoar Se as águas do mar da vida quiserem te afogar. Segura na mão de Deus e vai. Sabemos que ela esta guardada a espera do grande dia.



Share/Bookmark

domingo, 22 de maio de 2016

Agradecimento a visita do Irmão João e Irmã Eugenia

Comp.WhatsApp

O Pastor Adelar e Toda a Igreja Apostólica de Jaboatão Agradece a Presença do Irmão João e Irmã Eugenia, que muitos nos abençoou. 





Share/Bookmark

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Mais um culto cheio do poder de Deus

Comp.WhatsApp









Share/Bookmark

quarta-feira, 6 de abril de 2016

Ministério Público pede a proibição da oração do Pai Nosso em escolas públicas

Comp.WhatsApp

A oração ensinada por Jesus a seus discípulos – e compartilhada por todos os cristãos, independentemente se católicos ou evangélicos – foi proibida nas escolas públicas do estado do Mato Grosso do Sul.
A proibição foi definida após o Ministério Público Estadual (MPE-MS) emitir um parecer recomendando que a prática fosse encerrada, devido à reclamação de um pai de aluno, provavelmente ateu.
A Secretaria Municipal de Educação explicou, através de nota, que a decisão foi tomada para evitar uma ação civil pública da Promotoria de Direitos Humanos, que pedia a interrupção de todas as manifestações de cunho religioso no ambiente escolar.
Em entrevista ao telejornal Bom Dia MS na manhã da última segunda-feira, 04 de abril, o promotor de Justiça, Luciano Loubet, se manifestou favorável à decisão: “A recomendação tem dois fundamentos: pela Constituição Federal o Estado é laico, ou seja, um Estado que não tem religião, e o segundo é pela liberdade de religião. Não foi uma decisão imposta às escolas católicas ou evangélicas, mas uma decisão para escolas públicas que são pagas pelos impostos de todos”, argumentou Loubet.
No entanto, a postura do MPE-MS foi rebatida pelo promotor Sérgio Harfouche, da Vara da Infância, Juventude e Educação. Segundo informações do G1, ele entrou com um pedido de reavaliação do posicionamento da instituição: “Se é interesse de alguém não participar, que assim o faça. Mas, eu tenho uma esmagadora maioria de pais nas escolas querendo que seus filhos tenham essa liberdade de expressão. Ninguém vai ser obrigado a crer ou não crer. Ninguém vai ser beneficiado por crer e nem punido por não crer. Impedir que as pessoas, assim tenham, como se tradicionalmente se tem na escola, me parece que isso é uma violação maior do que a que se pretende proteger”, ponderou o promotor.
A pressão de militantes ateus na sociedade vem aumentando. Nos Estados Unidos, diversos casos semelhantes são registrados anualmente, e no Brasil, ações equivalentes também já foram noticiadas. Em algumas cidades, ações na Justiça obrigaram a retirada de crucifixos das repartições públicas. O caso mais extremo foi a tentativa, anos atrás, de remover a frase “Deus seja Louvado” das cédulas do real.


Share/Bookmark